Cuidado com o que fala! Podcast 26

  • por
giraffes 627031 1920 - Cuidado com o que fala! Podcast 26

Primeiramente, tenha cuidado com o que fala! Isto não é um aviso bobo, ou desnecessário, mas sim atual e verdadeiro e que precisa de nosso diálogo!

Ademais, nossas conversas precisam ser em muitos casos, REVISTAS!

Os casos de divórcios, inimizades, incompatibilidade de gênios, podem ser facilmente resolvidos se passarmos pela difícil arte de pensar antes de falar

Eventualmente estamos comunicando com pessoas ao nosso redor, e na maioria das vezes expomos os nossos pensamentos.

Outrossim, não estamos nem um pouco preocupados se eles querem ou não entender o que pensamos, ou se estão dispostos a suportar nossas “preocupações”.

Aliás, hoje em dia tem sido muito comum as pessoas se preocuparem com nada e deixarem de se preocuparem com o tudo.

A afirmação maior que podemos ver é que estamos muito mais distantes das pessoas do que do Sol.

Isto acontece porque nós postergamos a qualidade de nossas conversas, não tendo cuidado com o que se fala às pessoas.

Você não tem cuidado com o que fala, porque não se importa com as pessoas?

A afirmação acima pode ser cruel demais para alguns, entretanto, para outros serve como uma luva e ainda há os que além de vestirem a carapuça.

Ainda nos apresentam os que melhor se adequam a esta realidade.

Mesmo assim, sendo um a “possível” realidade, precisamos nos preocupar em dizer que isto precisa ser melhor desmembrado.

A verdade é que não cuidamos em pensar no que falamos às pessoas, quando nós nos importamos mais com o nosso sentimento interno do que com o que vamos provocar nos outros.

Explico melhor:

Se você estiver chateado com seu patrão por causa do pagamento você faz, geralmente uma dessas opções:

  • Greve
  • Falta desenfreadamente ao serviço e quando vai trabalha de forma improdutiva, forçando sua demissão
  • Tem uma conversa direta e “sincera” com seu patrão

Na última opção é que vemos o maior de todos os perigos.

  • pois na greve, está um direito garantido ao trabalhador
  • na falta de profissionalismo, o que vai gerar é a demissão,
  • mas a conversa direta e talvez “sincera” ´pode ser repleta de armadilhas.

Um coração amargurado não pode ser o norteador de nossas palavras.

Na amargura, ou no ressentimento devemos perseverar no silencio.

Saber falar é também: saber qual melhor hora para se falar!

Cada palavra que falarmos não voltará nunca mais e em muitos casos não poderá ser explicada, ou pior ela nunca vai ser DESDITA!

O certo é que, ao falarmos, devemos pensar.

Não existe salvo conduto quando estamos conscientes do que falamos aos outros.

Entretanto, há consequências severas para cada palavra que dissermos, independente se forem boas ou ruins.

Conquanto, as palavras que saem de nossa boca devem ser agradáveis, pois delas provém a cura, a libertação e a solução dos problemas.

Com toda certeza, nós podemos dizer que se falarmos o bem, colheremos o bem.

Mas se é o mal que falaremos, então somente dele colheremos.

Fale o bem, cuidado com o que fala, mas persevere naquilo que vale a pena.

Deus te abençoe em nome de Jesus Cristo

Pr Miquéias Tiago

 

Visite nossa loja virtual e nossa página no facebook

 


c8303169198c00448a49a9e44db536fc?s=96&d=mm&r=g - Cuidado com o que fala! Podcast 26

Pr Miquéias Tiago

O Pr Miqueias Tiago é teólogo, poimênico, psicopedagogo, escritor, blogueiro, Youtuber, professor de teologia, coach em desenvolvimento eclesiástico, empresarial e humano. Esposo, pai e pastor.
Marcações:

Deixe uma resposta